Edição 2014

Edição 2014 2018-04-02T09:28:09+00:00

A expectativa de que a 15ª edição da Expodireto Cotrijal seria uma das melhores e maiores realizadas pela Cotrijal se confirmou. Em 2014, os negócios assinados na feira, incluindo as propostas protocoladas nas instituições financeiras e bancos de fábrica, chegaram a R$ 3,2 bilhões. O volume é 27% superior a 2013, quando as vendas alcançaram R$ 2,5 bilhões. O público também atendeu as expectativas. Foram 235.200 visitantes – 5% a mais que em 2013.

O fechamento de números recordes é um indicativo de que o setor agrícola brasileiro caminha para assumir o pódio da produção de alimentos no mundo. O agricultor que visitou a feira pôde conferir quais os cenários que se apresentam neste segmento – desafios e oportunidades – e de que forma tirar proveito e avançar em mercado.

Além de apresentar novidades em máquinas e equipamentos agrícolas, a Expodireto Cotrijal mais uma vez comprovou sua capacidade de reunir em um único local o que melhor em pesquisas, técnicas de manejo e sistemas de informação. Nos cinco dias da feira – 10 a 14 de março -, representando os vários segmentos do agronegócio, os 505 expositores reunidos nos 84 hectares do parque mostraram por que o Brasil é um dos poucos países capazes de suprir a demanda por grãos e produtos de origem animal.

Uma novidade desta edição foi a negociação entre países presentes na feira. Uma trading uruguaia fechou um negócio de US$ 154 milhões em soja argentina com representantes do Irã. Neste ano, a feira trouxe negociadores de 77 países, ávidos por conhecer a realidade brasileira e fechar parceria na compra e venda de produtos agrícolas. A venda de máquinas e equipamentos agrícolas ainda foi a mais expressiva, mas os segmentos de armazenagem e irrigação também alcançaram crescimento. Os negócios no Pavilhão Internacional chegaram a R$ 471.455 milhões, volume 99% superior ao do ano passado.

OUTROS DESTAQUES

Prestígio de autoridades – Pela primeira vez em sua história, a Expodireto Cotrijal recebeu a visita de um vice-presidente da República. Michel Temer veio a Não-Me-Toque, no exercício da Presidência da República, já que a presidente Dilma Roussef estava em viagem ao exterior. Ele participou da solenidade de abertura e destacou o esforço e o trabalho do produtor gaúcho. “Aqui o volume de negócios é uma coisa extraordinária: não se fala em milhões, se fala em bilhões”, enfatizou Temer.

A feira foi prestigiada ainda pelos ministros da Agricultura e do Desenvolvimento Agrário, pelo governador do Rio Grande do Sul, pelo presidente da Câmara dos Deputados, dentre outros representantes do Senado Federal, Câmara dos Deputados, Assembleia Legislativa gaúcha e governos federal e estadual. Contou ainda, entre as delegações estrangeiras, com a presença de embaixadores de mais de dez países.

Eventos – Pelo terceiro ano consecutivo, a Expodireto Cotrijal sediou audiência pública da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária do Senado. Em 2014, o objetivo foi avaliar e debater os rumos da agricultura no Brasil, esclarecendo ao público a criação da Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater), e defender a filantropia da Emater/RS-Ascar. Três dias antes da audiência, depois de longo período de reivindicações por parte da Emater e da comunidade gaúcha, o governo federal emitiu o certificado que garante a manutenção da filantropia até março de 2017, o que mais uma vez mostra a importância da feira como palco de debates e de defesa dos interesses do produtor rural.

Foram destaques ainda o 25º Fórum Nacional da Soja, o 6º Fórum Nacional do Milho, o 10º Fórum Estadual do Leite, o 7º Fórum Florestal do Rio Grande do Sul, 5º Seminário da Agroindústria Familiar e o Fórum Internacional Jovem Cooperativista.

Espaço da Família Rural – Mantido em parceria com a Emater/RS-Ascar, apresenta inovações e soluções para alguns dos principais entraves ao desenvolvimento produtivo e social do Rio Grande do Sul. São projetos, programas e tecnologias ligados à produção de energia, ao abastecimento de grãos e à produção e agroindustrialização de alimentos para o abastecimento de famílias rurais e para a venda em escala comercial. Em 2014, em função da importância da defesa da filantropia da entidade, trabalhou-se o tema “A Emater/RS-Ascar é Social”, em 10 parcelas: energia solar e energia produzida pela biomassa das florestas, políticas públicas, assistência técnica, abastecimento, saúde, cultura, lazer, tecnologia, informação, produção limpa de alimentos, processamento de pescado e agroindústria.

Um dos espaços que tem crescido em importância, dentro da parceria com a Emater/RS-Ascar, por proporcionar agregação de valor e de renda para as propriedades familiares, é o Pavilhão da Agricultura Familiar. Neste ano, os 144 expositores – agroindústrias, produtores de flores e de artesanato – fecharam R$ 813 mil nos cinco dias da feira, volume 25% superior ao de 2013.

Espaço da Natureza – Uma parceria entre a Cotrijal e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Rio Grande do Sul (Senar/RS) trouxe um trabalho de esclarecimento sobre o novo Código Florestal e o Cadastro Ambiental Rural (CAR). A programação, desenvolvida no Espaço da Natureza, envolveu palestras, exposição e teatro, mostrando a importância da adequação ao novo Código Florestal e alcançando público de várias faixas etárias.

Também foi destaque, pelo segundo ano consecutivo, o trabalho na área de energias alternativas. Durante a feira foram apresentados os resultados obtidos em 2013 com a instalação de dois aerogeradores (que produzem a energia elétrica através do vento) e placas solares (que produzem a energia elétrica através do sol) no parque. Os equipamentos geraram economia de 50% no consumo da energia elétrica produzida por hidrelétricas.

Casa do Produtor – A inauguração de uma estrutura fixa para atender o associado da Cotrijal e sua família foi um dos destaques da Expodireto Cotrijal 2014. A Casa do Cooperativismo Cotrijal, também chamada de Casa do Produtor, conta com espaço planejado especialmente para atender aos produtores associados que buscam informações. Conselheiros de Administração, Fiscais e gerentes das unidades recepcionam e atendem os produtores, que no local também encontram ambiente agradável para descansar alguns minutos durante a visitação à feira.

// Rádio

Abertas as inscrições para o Pavilhão da Agricultura Familiar na 20ª Expodireto

As agroindústrias interessadas em participar da Expodireto Cotrijal 2019 já podem se inscrever. O alinhamento da organização do Pavilhão da Agricultura Familiar na 20ª edição da feira ocorreu em reunião na sede da Cotrijal, em Não-Me-Toque, na manhã desta quarta, 7/11. Participaram representantes da cooperativa, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural, da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag-RS) e da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar (Fetraf-RS).

As inscrições iniciam nesta quinta-feira (8/11) e encerram no dia 30 deste mês. Os produtores devem procurar os sindicatos representantes das entidades (Fetag e Fetraf) ou a Emater dos municípios – que também é organizadora do Pavilhão. Serão destinados 180 estandes para as agroindústrias.

“Este é um momento muito importante, em que temos que discutir os anseios e as melhorias para a feira. É uma vitrine para o nosso Estado, que fortalece, valoriza e fomenta a agricultura familiar. Em 2018 batemos recorde de vendas e neste ano temos tudo para superar o resultado anterior”, destacou Cristian Ferreira Gonzalez, chefe de Divisão da Secretaria de Estado.

Rui Valença, coordenador da Fetraf, também está otimista para a 20ª edição. “A Expodireto a cada ano está maior, aumentando assim a nossa responsabilidade. Temos certeza que o pavilhão será mais uma vez um sucesso, tanto na comercialização dos produtos e, mais importante que isso, na prospecção de novos negócios”, apontou.

“A feira é uma grande estratégia de desenvolvimento para a agricultura familiar. É uma oportunidade única para o produtor estar dentro de um grande evento como a Expodireto Cotrijal, a maior da América Latina”, acrescentou Jocimar Rabaioli, assessor de Agroindústrias da Fetag.

Representando a Cotrijal, estiveram o presidente Nei César Mânica, o vice-presidente Enio Schroeder, o superintendente de Produção Agropecuária Gelson Melo de Lima, o coordenador do Parque da Expodireto Marlon Ellwanger Lauxen e a assistente administrativa Patricia Kayser.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cotrijal

Produção animal: ofertas exclusivas para o produtor Cotrijal

Lançamento de produtos para nutrição e saúde animal e promoções serão alguns dos destaques do estande da Produção Animal e das Lojas Cotrijal na 19ª Expodireto Cotrijal.

Com estrutura localizada próximo ao Pavilhão da Agricultura Familiar, a intenção é que os produtores e visitantes encontrem no local além de ótimas oportunidades de negócios também um espaço para buscar informações sobre o melhor planejamento da atividade leiteira.

Segundo o gerente de Produção Animal, Renne Granato, os visitantes poderão conferir resultados da Àrea Experimental em milho para silagem, forrageiras de inverno e de verão, gestão da atividade leiteira e reprodução. “É um espaço para a troca de ideias e bons negócios”, explica.

Também durante a feira a cooperativa trabalhará o Programa de Insumos para a Atividade Agropecuária, o Troca de Inverno, campanha exclusiva para os produtores/associados da Cotrijal que disponibiliza opções especiais para a aquisição de insumos para a formação de pastagens. “A campanha deste ano apresenta um vasto portfólio de produtos e ótimas condições comerciais”, destaca Granato.

Vice-presidente faz agradecimento ao quadro social

O Vice-presidente da Cotrijal, Enio Schroeder, faz um agradecimento a toda a família Cotrijal pela participação e colaboração na Expodireto. Schroeder também realiza uma avaliação sobre a 15ª edição da feira.

// Vídeos

X