Pavilhão da Agricultura Familiar: Parceiros definem atividade

Pavilhão da Agricultura Familiar: Parceiros definem atividade
23/11/2015 noticias
Representantes das entidades e órgãos governamentais envolvidos com a organização do Pavilhão da Agricultura Familiar estiveram reunidos na manhã da última sexta-feira (20) na sede da Cotrijal, em Não-Me-Toque.

No encontro foram alinhados os procedimentos de funcionamento do pavilhão e apontadas melhorias para a Expodireto Cotrijal 2016, marcada para 7 a 11 de março. A avaliação é de que o espaço, criado em 2008, tornou-se uma importante fonte de renda e de divulgação do trabalho das agroindústrias e produtores de flores e artesanato. No primeiro ano, o pavilhão reuniu 87 expositores, sendo 57 agroindústrias e 30 estandes de artesanato. Em 2015, foram 177 expositores. "Estamos empenhados em valorizar o trabalho especialmente dos produtores da região e fazer do pavilhão um espaço diferenciado dentro da Expodireto Cotrijal e que anualmente traz novidades", afirmou o presidente da Cotrijal, Nei César Mânica, que participou da reunião, junto com o vice-presidente, Enio Schroeder, e o superintendente de Produção Agropecuária, Gelson Melo de Lima. Durante o encontro foi definido que a realização das inscrições dos interessados em expor seus produtos na Expodireto Cotrijal 2016, dentro do Pavilhão da Agricultura Familiar, será centralizada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR). E a definição dos participantes ocorrerá de forma conjunta com as demais entidades e órgãos governamentais envolvidos com a organização do pavilhão: Cotrijal, Emater/RS-Ascar e Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag). Serão priorizadas as agroindústrias e produtores da área de abrangência da Cotrijal que atendam o regulamento do pavilhão. Uma nova reunião foi agendada em Porto Alegre para sexta-feira (27) para definir o regulamento do pavilhão e o prazo de inscrições. "Estamos muito satisfeitos e temos a certeza de que mais uma vez esse espaço reunirá o que há de melhor e mais diversificado em termos de produtos produzidos por agroindústrias e artesanato e também flores no Estado", disse o diretor de agricultura familiar e agroindústria da SDR, Dionatan Tavares. Também participaram da reunião, representando a Fetag, o assessor de agroindústrias, Jocimar Rabaioli, a secretária-geral da diretoria, Elizete Hinz, e a diretoria da Associação Regional Alto Jacuí dos Sindicatos de Trabalhadores Rurais, e representando a Emater, o diretor técnico Lino Moura, o gerente da regional Ijuí, Carlos Alberto Turra, o assistente técnico estadual de agroindústria Márcio Dalben, a engenheira de alimentos Bruna Bresolin, o assistente técnico regional de agroindústrias Erni Breitenback, e o coordenador do Centro de Treinamento de Agricultores do Alto Jacuí, Celso Siebert.


Compartilhar:
Todos os Direitos Reservados © 2019
Desenvolvido por: BRSIS