Audiência Pública do Senado discute a inovação e a sustentabilidade no campo

/, Notícias/Audiência Pública do Senado discute a inovação e a sustentabilidade no campo

Audiência Pública do Senado discute a inovação e a sustentabilidade no campo

As inovações no agronegócio, destinadas a garantir o aumento de produtividade, renda, competitividade e sustentabilidade para os produtores rurais foram temas debatidos em audiência pública da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), nesta sexta-feira (9), durante a Expodireto Cotrijal, em Não-Me-Toque/RS.

Para o presidente da Comissão no Senado, Ivo Cassol (PP-RO), é de suma importância debater e identificar os gargalos que o produtor encontra quando o assunto é tecnologia e sustentabilidade. “Temos que elencar os problemas e encontrar soluções, pois, graças a mão calejada e o suor do agricultor brasileiro, é que o Brasil tem garantido 1% de crescimento”, aponta Cassol.

O debate, com o tema “Inovação e Sustentabilidade na Agricultura”, ocorreu com a condução da senadora Ana Amélia Lemos (PP-RS). De acordo com a parlamentar, os avanços em tecnologia contribuem para o aumento da produtividade, porém, é necessário analisar o acesso que o produtor tem às inovações. “Temos que discutir os cenários aqui existentes em inovação tecnológica, pois, no mundo todo a produção agropecuária é 68% tecnologia. O que temos de regulação, legislação e burocracia excessiva que atrapalha o agronegócio. Assim vamos conseguir desenvolver mais e usar mais tecnologia”, justificou a senadora.

No evento, o presidente da Cotrijal, Nei César Mânica, ressaltou que mais uma vez o Senado dá voz para assuntos pertinentes ao homem do campo. “O tema do debate vem ao encontro de tudo o que a Expodireto se propõe, como a inovação, a tecnologia, a sustentabilidade e oportunidade de bons negócios. Não-Me-Toque é a Capital Nacional da Agricultura de Precisão e neste contexto um tema muito importante é a agricultura digital. Temos que conseguir aumentar a produtividade, ter sustentabilidade e, assim, alimentar o mundo”, frisa Mânica.

O prefeito de Não-Me-Toque, Armando Roos, enfatizou a grandiosidade da feira, que novamente conta com o debate de uma Comissão do Senado e traz um assunto atual. “Não-Me-Toque é uma ilha dentro de um oceano e tem a Expodireto que vende tecnologia para o mundo. Os produtores absorveram esta tecnologia e trouxeram, inclusive, do interior para o perímetro urbano”, afirma o prefeito.

Participaram do debate também o gerente de Inovação e Sustentabilidade da Associação Nacional da Defesa Vegetal (Andef), Roberto Sant´Ana; o vice-presidente da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (CNA/Farsul), Elmar Konrad; o chefe-geral interino da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Osvaldo Vieira; e o presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag), Carlos Joel da Silva.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Expodireto Cotrijal
2018-03-09T18:36:23+00:00 9/março/2018|Edição 2018, Notícias|0 Comentários

Deixar Um Comentário

X